CONTRIBUIÇÕES DA ACUPUNTURA NA PREVENÇÃO DE SINTOMAS LIGADOS À MENOPAUSA

CONTRIBUIÇÕES DA ACUPUNTURA NA PREVENÇÃO DE SINTOMAS LIGADOS À MENOPAUSA
0 28/07/2016

Autor: Annik Louro Alves

 

  

RESUMO

Estudo aborda a prevenção de sintomas relacionados à menopausa através da acupuntura. A presença de depressão,falta de libido, irritação, insônia e mal estar no climatério ou menopausa podem interferir de forma negativa na vida pessoal e profissional da mulher e causar graves transtornos. Metodologia: Trata-se de uma revisão de literatura nas bases de dados da Biblioteca Virtual de Saúde e capítulos de livros, utilizando os descritores: acupuntura, menopausa e medicina tradicional chinesa. Resultados: Foram encontrados 57 artigos no total mas de acordo com os critérios de inclusão e exclusão deste estudo, apenas 8 artigos foram utilizados. Também não foram expressivos os achados nos livros consultados. Discussão: A medicina tradicional chinesa através da acupuntura e outras terapias complementares podem auxiliar neste processo de transição da vida da mulher. Os autores consultados sugerem o estímulo em pontos que harmonizam o campo energético e minimizam o vazio dos rins que ocorre nesta fase. Conclusão: A acupuntura representa uma terapêutica potente na prevenção aos sintomas da menopausa, contudo deve estar associada a outras estratégias da Medicina Tradicional Chinesa como dietética, fitoterapia e meditação, Os profissionais de saúde, especialmente os que trabalham na saúde da  mulher ,  precisam estar mais atentos à prevenção destes sintomas e indicar terapias que possam amenizar os sofridos sintomas vividos nesta fase da vida, harmonizando e equilibrando a saúde energética.

Palavras Chave: Acupuntura, Menopausa e Medicina Tradicional Chinesa

ABSTRACT

Study addresses the prevention of menopause-related symptoms through acupuncture. The presence of depression, lack of libido, irritability, insomnia and discomfort during menopause or menopause can have a negative influence on the personal and professional lives of women and cause serious disorders. Methodology: This is a literature review in the databases of the Virtual Health Library and book chapters, using the keywords: acupuncture, traditional Chinese medicine and menopause. Results: We found 57 articles in total but according to the criteria for inclusion and exclusion of this study, only 8 articles were used. There were also no significant findings in the consulted books. Discussion: The traditional Chinese medicine through acupuncture and other complementary therapies can assist in this process of transition from a woman’s life. The authors consulted suggest the stimulus points which harmonize the energy field and minimize empty the kidneys that occurs at this stage. Conclusion: Acupuncture is a powerful therapy to prevent the symptoms of menopause, but should be combined with other strategies of traditional Chinese medicine as dietary, herbal medicine and meditation, Health professionals, especially those working on women’s health needs to be better attentive to the prevention of these symptoms and indicate therapies that can alleviate the symptoms suffered experienced at this stage of life, harmonizing and balancing energy health.

Keywords: Acupuncture, Traditional Chinese Medicine and Menopause

INTRODUÇÃO

 

Este trabalho foi motivado pelo desejo de explorar recursos podem ser utilizados na prevenção de alguns sintomas relacionados à saúde da mulher especialmente na menopausa e climatério.

A Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher criada pelo Ministério da Saúde em 1984, e em sua última versão em 2004 afirma que as mulheres são as principais usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS) e ainda que, apesar de viverem mais que os homens, adoecem mais. Com o intuito de trabalhar a humanização e a qualidade da atenção em saúde, procurou identificar os principais problemas pensando na satisfação das usuárias, no fortalecimento da capacidade das mulheres frente à identificação de suas demandas, no reconhecimento e reivindicação de seus direitos e na promoção do autocuidado. (BRASIL, 2004)

Sintomas como a depressão, falta de libido, irritação, insônia e mal estar podem estar presentes na vida da mulher adulta seja no período pré menstrual como mais para frente no climatério ou menopausa. Tais sintomas podem interferir de forma negativa na vida pessoal e profissional da mulher e causar graves transtornos.

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) tem uma visão diferenciada a cerca destes sintomas. Uma das técnicas de assistência à saúde mais utilizadas é a acupuntura, tanto nos aspectos preventivos quanto curativos.

Acupuntura conta com conjunto de diversos procedimentos terapêuticos aplicados com base nos conceitos da MTC, que permitem o estímulo preciso de locais anatômicos na pele por meio da inserção de finas agulhas metálicas para proteção, restauração e promoção de saúde. Em alguns casos, o estímulo pode ser efetuado por meio de calor local, corrente elétrica de baixa voltagem e amperagem ou radiação de laser de baixa freqüência. (Brasil, 2006)

Este trabalho tem como objetivo investigar os benefícios da acupuntura na prevenção dos sintomas relacionados à menopausa através de revisão na literatura.

METODOLOGIA

Trata-se de uma revisão de literatura na  Biblioteca Virtual em Saúde onde acessamos importantes  bases de dados como: Pubmed, Scielo , Cochrane e Lilacs , no período de dezembro de  2015  à janeiro de 2016 utilizando os seguintes descritores: acupuntura, menopausa e medicina tradicional chinesa, e seus correspondentes em inglês.

Ainda como suporte para esta revisão foram utilizados livros sobre o assunto.

Os critérios de inclusão utilizados para aproveitamento dos artigos foram: periódicos que faziam referência ao uso da acupuntura como recurso terapêutico coadjuvante no tratamento e prevenção dos distúrbios que ocorrem na saúde da mulher especificamente na menopausa, publicados em qualquer período nas línguas português, inglês e espanhol. Dentre os critérios de exclusão encontram-se os artigos repetidos, que não possuem afinidade com o tema e que não apresentam texto disponível online.

Para que fosse possível captar um número expressivo de artigos, foi realizada busca isolada de cada descritor.

RESULTADOS

Nas bases de dados:

Na pesquisa nas bases de dados foram encontrados 237 artigos e após a leitura dos resumos e filtragem pelos critérios de inclusão e exclusão apenas 10 artigos foram analisados. Vide quadro :

Descritor Artigos Encontrados

 

Artigos dentro dos Critérios de Inclusão
Acupuntura 26 4
Menopausa 26 2
Medicina Tradicional Chinesa 5 2

Apenas 4 artigos sobre acupuntura tinham relação com os princípios da acupuntura ou com o tema em questão.

No assunto menopausa os artigos abordavam políticas públicas de saúde da mulher, contudo apenas 2 artigos estavam disponíveis na integra para pesquisa.

Sobre a MTC apenas 2 estudos falavam sobre acupuntura.

Com relação aos artigos aproveitados nesta pesquisa, as principais políticas públicas no cuidado da saúde da mulher no climatério /menopausa e na implantação da MTC no SUS foram citadas.

Pouco material foi encontrado especificamente sobre o uso da acupuntura nos sintomas associados ao climatério /menopausa, especialmente tratando da prevenção.

A consulta foi realizada em 5 livros , em capítulos específicos sobre o assunto, contudo também não foram encontrados muitos estudos aprofundados .

DISCUSSÃO

A Medicina Tradicional Chinesa caracteriza-se por um sistema médico integral, originado há milhares de anos na China. Utiliza linguagem que retrata simbolicamente as leis da natureza e que valoriza a inter-relação harmônica entre as partes visando a integridade. Como fundamento, aponta a teoria do Yin-Yang, divisão do mundo em duas forças ou princípios fundamentais, interpretando todos os fenômenos em opostos complementares. O objetivo desse conhecimento é obter meios de equilibrar essa dualidade (Brasil 2006)

A acupuntura em ginecologia e obstetrícia é uma prática considerada recente, um dos trabalhos mais antigos encontrados (datado de 1960), especificamente para transtornos da mulher, faz citação sobre a aplicação da acupuntura com eletroestimulação para curar pacientes com transtornos de anovulação.Atualmente, essa especialidade tem trabalhado no sentido de evidenciar os fatos clínicos e promover maior bem estar para os transtornos de patologias exclusivamente femininos, dentre elas sintomas do climatério. (Lima et AL 2013)

Climatério é a fase de transição entre o período reprodutivo e o não reprodutivo da vida da mulher, estendendo-se até os 65 anos de idade. Menopausa é um marco dessa fase, correspondendo ao último período menstrual, somente reconhecida após passados 12 meses da sua ocorrência. A idade média de ocorrência da menopausa é 50 anos. O climatério/menopausa não é uma doença e sim uma fase da vida da mulher. A maioria das mulheres passa por ela sem apresentar queixas e sem necessitar de medicamentos. Outras apresentam sintomas de intensidade variável e que são, geralmente, transitórios. Entre os sintomas que podem ocorrer no climatério/menopausa, alguns são devido ao brusco desequilíbrio entre os hormônios e outros estão ligados ao estado geral da mulher e ao estilo de vida adotado até então. A auto-imagem, o papel e as relações sociais, as expectativas e projetos de vida também contribuem para o aparecimento e a intensidade dos sintomas. (Santos, Campoy, 2008)

Apesar de o corpo feminino ser marcado pelo ciclo biológico-reprodutivo, o destino da mulher não pode ser reduzido à dimensão fisiológica. No climatério, as alterações hormonais, acompanhadas pela desvalorização estética do corpo e por toda uma sintomatologia de intensidade variável – que no limite aparece como sofrimento depressivo – sinalizam o envelhecimento inevitável. Nesta etapa, as mulheres se dão conta que a vida tem um fim. Trata-se de um tempo vivido com muita contradição, pois diante da percepção do limite de tempo cronológico, certezas podem ruir e dúvidas aumentarem. (Brasil, 2008)

O climatério/menopausa é uma fase de mudanças, transformação e adaptação, como a adolescência. Ela não ocorre sem questionamentos e coincide com outras mudanças na vida da mulher. A quantidade e a intensidade dos sintomas estão, também, relacionados com a qualidade da vida pessoal, afetiva, profissional e com a existência ou não de projetos e sonhos para o futuro. (Santos, Campoy, 2008)

A medicalização do corpo das mulheres, com uso de hormônios durante o climatério/menopausa encontra um campo fértil no imaginário feminino pelas falsas expectativas que coloca, a exemplo da eterna juventude e beleza. O abuso no uso de estrógenos para os sintomas do climatério/menopausa acarreta sérios problemas para a saúde, e as mulheres devem ser corretamente informadas para que possam decidir pela adoção ou não da terapia de reposição hormonal. Desta forma a acupuntura e outras terapias complementares podem auxiliar neste processo.

Para Auteroche et Navailh (1987) as particularidades fisiológicas da mulher se manifestam através dos fenômenos das menstruações , leucorréias, gravidez, parto e lactação.A abundancia de Qi Xue, o bom funcionamento dos órgãos, uma boa circulação nos vasos  garantem que estas atividades seguirão acontecendo de forma harmônica.

Avis apud Lima et AL (2013) refere que :

“A síndrome climatérica ocorre quando o Qi dos Rins está gradualmente enfraquecido e Chong Mai e Ren Mai estão vazios e o Tian Gui esgotado; então as menstruações param progressivamente, nessa época da vida pode sobrepor-se uma fraqueza corporal ou um distúrbio psíquico proveniente dos sete sentimentos que são o reflexo da perda de equilíbrio do Yin e do Yang” (p. 69)

Em seu estudo os autores acima citados utilizaram para tratamento das ondas de calor os pontos de acupuntura: VC4, BP6, B23, CS6, R7, B15, C7, VB20, VG20, R3. Eles acreditam que o mecanismo de ação da acupuntura possa influenciar sobre a produção e secreção de hormônios neurotransmissores. Observaram ainda  que a acupuntura e a eletroacupuntura demonstram ser uma prática positiva para amenizar os afrontamentos do climatério,principalmente em mulheres que possuem contra indicação relativa ou absoluta para reposição hormonal.

Auteroche et Navailh (1992) afirmam que o vazio dos rins representam o ponto maior da sindrome climatérica e revelam que para tonificar o Yin e o Yang dos rins e harmonizar o Chong Mai e Ren Mai tratam os seguintes pontos: R3, B 23, VG 4 e VC 4.

Para ajudar a mulher a reencontrar seu equilíbrio nesta fase onde estão presentes sintomas como: cefaléia, cansaço, letargia, irritabilidade, depressão, ansiedade, insônias entre outros, a utilização exclusiva da acupuntura não será suficiente . Bianchi sugere que seja associada à dieta especialmente rica em frutas como: tangerina, carambola e uva; vegetais como: alho poro, aipo, tomate, vagem; raízes como: broto de bambu, folha de beterraba, beringela e cogumelos e ainda, grãos, pastas de soja, de feijão e trigo.

Além da dieta Bianchi recomenda a meditação e Qi Gong, o uso de fitoterápicos, exercícios moderados, respeito aos horários de sono e ritmos do corpo.

Maciocia (2014) e Kim (2014) afirmam que o ponto Shendao (VG 11) que também é conhecido como caminho da mente, nutre o coração e acalma a mente  e portanto trata depressão, tristeza e ansiedade. Além disso, pode ser utilizado para drenar o fogo do coração.

CONCLUSÃO

O levantamento bibliográfico foi um grande limitador deste estudo, poucas foram as informações encontradas, contudo nos serviu de estímulo para continuar  pesquisando sobre este tema que para algumas mulheres tem um impacto muito negativo na qualidade de vida.

A acupuntura representa uma terapêutica potente na prevenção aos sintomas da menopausa, contudo deve estar associada a outras estratégias da MTC como dietética, fitoterapia e meditação.

A menopausa e o climatério são etapas do amadurecimento  da vida que promovem transformações fisiológicas e emocionais e que são experimentadas de forma diferente em cada mulher. Estas marcas de amadurecimento são passageiras mas precisam do cuidado atento dos profissionais pois, com a perda do Yin nesta fase há uma nova expectativa de mudanças corporais e afetivas.

Os profissionais de saúde, especialmente os que trabalham na saúde da  mulher ,  precisam estar mais atentos à prevenção destes sintomas e indicar terapias que possam amenizar os sofridos sintomas vividos nesta fase da vida, harmonizando e equilibrando a saúde energética.

REFERÊNCIAS

Auteroche, B; Navailh. O Diagnóstico na Medicina Chinesa. São Paulo. Andrei Editora. 1992

Auteroche,B;Navailh. . Acupuntura em Ginecologia e Obstetrícia. São Paulo. Andrei Editora. 1987

Bianchi, E. A menopausa na visão da medicina chinesa. Disponível em: http://www.envelhecerativo.psc.br/arquivos/menopausa_na_visao_medicina_chinesa.pdf

BRASIL, Ministério da Saúde . Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher.2014 . Disponível em:

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nac_atencao_mulher.pdf

.Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS,2006. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/pnpic.pdf.Manual de Atenção à Mulher no Climatério/Menopausa / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. – Brasília : Editora do Ministério da Saúde, 2008. Disponível em:

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/manual_atencao_mulher_climaterio.pdf

Kim, C. H. Manual prático de Acupuntura . 5 Ed. São Paulo. Icone, 2014

Lima MP, Silva MI e Foleto AD. Acupuntura Nas Ondas De Calor. Cad. Naturol. Terap. Complem – Vol. 2, N° 2 – 2013. Disponível em:

http://portaldeperiodicos.unisul.br/index.php/CNTC/article/view/1854/1325

Maciocia, G . Os Fundamentos da Medicina Chinesa. 2 ed. São Paulo. Ed Roca. 2014.

Medeiros,R; Saad, M . Acupuntura: efeitos fisiológicos além do efeito placebo.O Mundo da Saúde São Paulo: 2009;33(1):69-72. Disponível em: http://www.saocamilo-sp.br/pdf/mundo_saude/66/69a72.pdf

Santos, L M; Campoy, M A. Vivenciando a menopausa no ciclo vital: percepção

de mulheres usuárias de uma unidade básica de saúde. O Mundo da Saúde .

São Paulo 2008; 32(4):486-494. Disponível em:

http://www.saocamilo-sp.br/pdf/mundo_saude/65/10_Vivenciando_baixa.pdf

 

Posted in Artigos Científicos by admin